Discriminação e luta. Comunidades negras, aprisionamento e seu impacto na infância

Pobreza e desigualdade, Violência e explotação

Entrevista com Hamilton Borges dos Santos (Walê), Quilombo Xis Ação Cultural Comunitária – Bahia.

No Brasil, a luta das comunidades negras organizadas pelo reconhecimento de direitos é um tema antigo e um desafio cotidiano. Hamilton Borges, integrante do Quilombo Xis Ação Cultural Comunitária, reflete sobre a situação de vulnerabilidade das crianças e adolescentes brasileiros/as, principalmente daqueles/as cujos pais e/ou mães estão presos/as. Além disso, comenta sobre o importante papel das mulheres na preservação dos direitos e na luta pela melhoria das condições de vida das crianças e famílias. Mas esse papel central exercido pelas mulheres não deve isentar a responsabilidade primordial do estado quanto à garantia de direitos, e tampouco dos homens, já que isso gera processos de culpabilização feminina pelos problemas sociais.

Hamilton comenta sobre as ações que o Quilombo Xis Ação Cultural Comunitária vem realizando para transformar as lógicas que fundamentam o atual modelo de segurança pública e sobre as articulações para a construção de um novo projeto político para o país e para o mundo.  Para ele, são muitos os bons resultados obtidos através dessas mobilizações, os quais dizem respeito à autonomia e à solidariedade dos movimentos sociais para continuar construindo uma sociedade onde a liberdade, o bem-estar e a dignidade sejam centrais.

 

 

DEIXAR SEUS COMENTÁRIOS

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

NOVIDADES

Menus de configuração no Painel de Administração

X