Demandas de formação nas organizações da sociedade civil. Alfonso Poire, MIDNI

Educação

Alfonso Poire, representante do Movimento Interamericano dos Direitos da Criança – MIDNI e assessor da Save the Children, reflexiona sobre a necessidade de promover a integração entre os programas de formação universitária e as agendas temáticas das organizações da sociedade civil e suas demandas de conhecimento relevante e útil para a prática.

timthumbd518Alguns aspectos importantes a ser discutidos acerca desta oferta de formação são:
1- Abordar a necessidade de formação como investimento social: Propõe que a oferta atual de formação para as organizações da sociedade civil, ao menos no contexto mexicano, muitas vezes se reduz à premissa de prover habilidades organizacionais de acordo com a lógica administrativa. Portanto, considera que se bem as organizações requerem saber utilizar efetiva e adequadamente seus recursos humanos e financeiros, ainda existe uma vazio no que se refere à construção de conhecimentos voltados à transformação cultural.

2 – Democratizar o acesso ao conhecimento: Problematiza aspectos como os padrões e a acreditação, entendendo que é possível propor modalidades que não necessariamente incluam formalidades na obtenção de títulos acadêmicos para o desenvolvimento de projetos de formação orientados às organizações da sociedade civil. E propõe que as organizações poderiam contar com o espaço acadêmico para socializar os saberes que emergem de suas próprias práticas, oferecendo uma oportunidade de sistematização de conhecimentos e favorecendo a reflexão sobre o seu trabalho.

3. Reconhecer o papel das organizações na gestão do conhecimento especializado sobre os direitos da infância: Reflexiona sobre o papel das organizações da sociedade civil na construção do tecido social, como geradora de emprego, e sobre as capacidades requeridas como atores do sistema econômico dos países. Em relação a esta questão, considera que existe uma demanda potencial e significativa das organizações à academia que poderia gerar algumas respostas, por exemplo, em termos da democratização, da incidência nas políticas públicas e da tomada de decisões na construção das políticas.

4. Reimpulsionar a aliança das Organizações da Sociedade Civil com as Agências Multilaterais: ressalta a necessidade de restabelecer esta relação institucional com vistas a desenvolver uma oferta de formação significativa orientada a democratizar o conhecimento significativo, a informação privilegiada e as metodologias que se produzem tanto a partir das Agências, como a partir das Organizações.

 

DEIXAR SEUS COMENTÁRIOS

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

VER OS ITENS DESTAQUES NESTA CATEGORÍA

NOVIDADES

Menus de configuração no Painel de Administração

X